Alerta! 5 alimentos proibidos para quem usa aparelho ortodôntico

Um aparelho ortodôntico pode ser a solução de problemas estéticos e funcionais. Porém, para que ele seja eficaz e não se torne um incômodo por apresentar danos constantes ou tornar o usuário mais suscetível a problemas bucais, é preciso tomar alguns cuidados.

O primeiro deles diz respeito à higiene. Assim que se coloca um aparelho, o dentista faz várias recomendações que incluem escovar os dentes logo após comer, usar escovas de dente especiais para retirar a sujeira das peças do aparelho e não ter preguiça de passar o fio dental com a ajuda de um passador ou condutor.

É importante lembrar, porém, de outro aspecto que influencia a manutenção e a eficácia dos aparelhos ortodônticos: a alimentação. Para evitar problemas, alimentos muito duros ou muito grudentos devem ser esquecidos durante o tratamento.

A seguir, listamos alguns deles. Confira!

1. Chicletes

Por vezes, chicletes são tão grudentos que ficam presos diretamente nos dentes de quem os masca. Quando se usa aparelho, o qual é composto por diversas pequenas peças com buracos e saliências, o risco de pelo menos um pedacinho do chiclete se enroscar dentro da boca aumenta consideravelmente.

Além de ser ruim para a higiene e a saúde bucal, a tentativa de desprender o chiclete pode danificar o aparelho. Por isso, o doce — assim como outros que são grudentos, como torrones e balas de goma — deve ser esquecido durante o tratamento ortodôntico.

2. Pé-de-moleque

Além de ser grudento como o chiclete, o pé-de-moleque é extremamente duro, podendo deslocar ou quebrar peças do aparelho tanto na primeira mordida quanto durante a mastigação intensa necessária para comê-lo.

Se por sorte isso for evitado, ele ainda pode grudar nas peças, complicando a limpeza do aparelho e até a saúde bucal.

3. Frutos secos

Não é só o amendoim presente no pé-de-moleque que pode danificar um aparelho ortodôntico. Nozes, avelã, castanha e amêndoas também estão nesta lista. Mais uma vez, é a dureza dos alimentos que faz com que eles, mesmo pequenos, possam soltar ou quebrar braquetes e fios do aparelho.

Pelo mesmo motivo, alguns grãos e cereais também devem ser evitados, como milho (e pipoca), aveia e granola.

4. Torresmo

Assim como os frutos secos, o torresmo é duro o suficiente para quebrar um aparelho ou danificá-lo. Quando o torresmo não está bem sequinho, ele fica mais mole. Nesse caso, porém, entra no grupo de alimentos grudentos que podem tornar mais difícil a higienização da boca e até causar cáries.

5. Refrigerantes

Além de serem bastante açucarados, o que aumenta a quantidade de placa bacteriana nos dentes por causa do acúmulo de açúcar nas peças do aparelho, os refrigerantes contêm corantes que ficam impregnados nas borrachinhas dos aparelhos metálicos e na porcelana dos transparentes.

Alimentos como a cenoura e a maçã, que também são considerados duros, mas podem ser facilmente mastigados se ingeridos em pequenos pedaços, devem ser cortados para serem comidos.

Para saber mais sobre os cuidados com a saúde bucal ou com o aparelho ortodôntico, curta nossa página no Facebook!

Deixe um comentário