Vale a pena investir em uma escova de dentes elétrica?

Ter um sorriso perfeito, com dentes brilhantes e bem cuidados é um grande diferencial na aparência de qualquer pessoa. No entanto, para alcançar esse padrão estético é importante ter alguns cuidados com seus dentes e um deles é investir em uma boa escovação. Algumas pessoas preferem as escovas manuais, outras, devido à falta de tempo e praticidade, preferem escova de dentes elétrica.

Neste post, esclareceremos algumas de suas dúvidas a respeito desse tipo de escova e ao final você mesmo poderá tirar suas conclusões se vale a pena, ou não, investir em uma escova de dentes elétrica. Confira!

O advento das escovas de dentes

A escova manual, como conhecemos hoje, foi inventada no final de 1930 e várias alterações e melhoramentos foram sendo feitos ao longo do tempo, mas o conceito original nunca foi alterado. Foi só na década de 1990 que as escovas de dentes elétricas passaram a ser uma alternativa popular.

Muitas pessoas com um dia a dia mais agitado acabaram aderindo a esse modelo mais moderno, no entanto, a maior parte das pessoas continua a optar pela escovação manual.

Prós e contra da escova de dentes elétrica

Prós

  • São fáceis de usar. As escovas de dentes elétricas fazem o trabalho sozinhas, basta colocá-las em um ângulo de 45° e deixá-las funcionar.

  • Elas conseguem limpar muito bem todos os cantos dos dentes, e algumas vezes têm um resultado melhor do que a manual. Elas removem muito bem a placa bacteriana, evitando possíveis problemas, como gengivite.

  • Para as crianças, pode ser uma boa e divertida experiência, pois os pequenos gostam de pegar o caminho mais fácil em algumas tarefas cotidianas. Se uma criança não gosta de escovar os dentes, pode ser uma opção para tornar esse hábito mais interessante.

  • Podem cronometrar o tempo de escovação, por isso, é possível otimizar esse momento de cuidados higiênicos.

Contras

  • Como a escova de dentes elétricas depende de alguma fonte de energia para funcionar, você terá que carregá-la ou substituir as pilhas periodicamente.

  • O custo é significativamente maior do que o das escovas manuais. Apesar de existirem vários tipos de escovas elétricas, das mais caras às mais baratas, esteja preparado para pagar mais do que o de costume.

  • Não é tão fácil para carregar na bolsa. Sair ou viajar com uma escova de dentes elétrica pode ser um aborrecimento, pois elas são grandes e algumas necessitam de carregador, o que pode aumentar o volume na bolsa. Além, disso, algumas tomadas podem não ser compatíveis com o plug dos carregadores.

Escovas de dentes elétricas e aparelhos ortodônticos

Para pessoas que estejam em tratamento com o uso de aparelho ortodôntico fixo, as escovas de dentes elétricas podem facilitar um pouco a escovação. Muitas delas vêm com diferentes opções de cerdas, as quais podem ser removíveis e trocadas, além de fazerem alguns movimentos diferenciados.

No entanto, de forma geral, as escovas de dentes elétricas não são muito mais vantajosas do que as manuais. O importante mesmo em uma boa escovação, principalmente para quem faz uso de aparelho, é dedicar um tempo para esse momento de cuidados com seus dentes e não se esquecer de passar o fio dental pelo menos uma vez ao dia. Afinal de contas, um sorriso bonito e bem cuidado pode abrir muitas portas.

E então, já se decidiu se vale ou não a pena investir em uma escova de dentes elétrica? Responda nos comentários!

Deixe um comentário